Logotipo Engenharia Compartilhada
Home Notícias Governo adicionará 6 mil MW à capacidade instalada

Governo adicionará 6 mil MW à capacidade instalada

O Globo - 22 de janeiro de 2014 856 Visualizações
Governo adicionará 6 mil MW à capacidade instalada
 
O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, informou ontem que o governo vai aumentar em 6 mil megawatts a capacidade de geração de energia elétrica no país em 2014 por meio da conclusão de novas usinas.  Além disso, serão construídos 6.800 quilômetros de linhas de transmissão. O anúncio foi feito durante a primeira reunião do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) do ano. 
 - Vamos continuar ampliando e reforçando nosso sistema elétrico - disse o ministro aos participantes da reunião, que contou com a presença da ministra do Planejamento, Miriam Belchior, convidada para o encontro, e também de dirigentes da Eletrobras, Light, Chesf e outras empresas do setor.
O aumento da capacidade de geração de energia representa um aumento de cerca de 1% no total presente no país, que é de 124,8 mil megawatts. A elevação já era esperada e ocorrerá em função da conclusão de usinas que já estavam sendo construídas. A adição, segundo o governo, não está relacionada a riscos de racionamento.
Segundo Lobão, serão realizados sete leilões de energia e cinco de linhas de transmissão em 2014. O ministro aproveitou ainda para fazer um relato otimista sobre o nível dos reservatórios das usinas hidrelétricas.
Programa Luz para Todos
O CMSE também fez um balanço do plano de segurança de abastecimento para o período de realização da Copa do Mundo. Segundo Lobão, já foram concluídas 77 obras de reforço dos sistemas elétricos nas cidades sede do campeonato. 
- Estamos monitorando a fase final de construção de mais 33 projetos - acrescentou o diretor do Operador Nacional do Sistema (ONS), Hermes Chipp.
O ministro destacou que o governo vai manter o Luz para Todos, que completa dez anos em 2014, e anunciou que o objetivo este ano é incluir mais 265 mil residências nas regiões Norte e Nordeste no programa. Lobão fez ainda um balanço positivo de 2013, quando foram agregados 6,5 mil megawatts de energia ao parque gerador brasileiro e instalados 10 mil quilômetros de linhas de transmissão. Ele aproveitou para elogiar medidas como a desoneração das contas de luz.
- A presidente Dilma Rousseff teve a coragem de adotar medidas que resultaram na redução das tarifas de energia elétrica. Além de melhorar a competitividade da economia, essa redução histórica foi o item que mais contribuiu para a preservação da renda familiar no país - disse ele.