Logotipo Engenharia Compartilhada
Home Notícias Exército entrega novo trecho duplicado da BR 116, entre Guaíba e Tapes
Obras

Exército entrega novo trecho duplicado da BR 116, entre Guaíba e Tapes

Correio do Povo - 12 de julho de 2021 414 Visualizações
Exército entrega novo trecho duplicado da BR 116, entre Guaíba e Tapes

Comandante Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira participou da entrega nesta quarta-feira| Foto: Mauro Schaefer

O comandante do Exército Brasileiro, general de exército Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, participou na tarde desta quarta-feira da entrega de novo trecho duplicado da BR 116, entre Guaíba e Tapes, em obra executada pelo 1º Batalhão Ferroviário, de Lages (SC). A construção é realizada desde janeiro de 2019 pela Operação Guaíba, que prevê a duplicação de um trecho de 50 quilômetros entre os dois municípios.

O comandante chegou a bordo de um helicóptero militar modelo HM4 Jaguar. Após receber explicações sobre a obra e assistir a uma demonstração de pavimentação, participou da cerimônia e cortou a fita de inauguração do trecho. “Temos obras espalhadas nos quatro cantos do Brasil”, destacou. “É uma alegria muito grande ver a nossa tropa, apesar da pandemia, com os cuidados necessários que tomamos, cumprir essa missão”, elogiou.

O comandante garantiu que a conclusão será realizada dentro do prazo. “Pro ano que vem, 22, são quase 51 quilômetros, estamos entregando hoje em torno de 10 quilômetros, uma obra muito importante para a economia local e que caracteriza bem o trabalho da engenharia militar na participação do desenvolvimento nacional .” Ele informou ainda que o Exército tem ainda vários acordos de obra com o Dnit e outras organizações no país e acrescentou que sempre haverá a possibilidade de novos acordos. “É possível sim termos outras obras com apoio da engenharia militar”, garantiu.

Localizado entre os quilômetros 330,05 e 340,1, o novo trecho fica no município de Barra do Ribeiro. Pertence ao lote 2 da obra de melhoria, que prevê a duplicação do trecho entre Guaíba e Pelotas, totalizando 211,22 quilômetros. Já estão finalizados 131,5 quilômetros, o que representa 62,25% de toda a extensão do trajeto. Os 10,5 quilômetros liberados hoje pela Operação Guaíba somam-se aos 15 quilômetros já liberados em 2020, pelo lote 2, totalizando 25 quilômetros de pavimentação.

Com investimento de R$ 207,4 milhões, a previsão é de que até maio de 2022 seja concluída a obra. Estão previstos ainda três viadutos em travessias urbanas, a construção de uma ponte nova e a demolição e reconstrução de duas pontes. Também serão no total 484,4 mil metros cúbicos de terraplanagem e dois milhões de metros quadrados de pavimentação.

A obra de duplicação do trecho da rodovia pelo Exército brasileiro se concentra no lote 1,do km 300 ao 325, de Guaíba a Barra do Ribeiro, totalizando 24,5 quilômetros, e no lote 2, do km 325 ao 351, de Barra do Ribeiro a Tapes, com 26,3 quilômetros. A Operação Guaíba é coordenada pelo 4 Grupamento de Engenharia, de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Conta com a participação de 338 militares vinculados ao 1º Batalhão Ferroviário, 66 viaturas e 81 equipamentos para perfuração, pavimentação e terraplanagem.

Os trabalhos da Operação Guaíba foram iniciados em janeiro de 2019. De acordo com o chefe da 5ª Seção do Comando Militar do Sul (CMS), coronel Jorge Oliveira Maia Filho, em 2018 o DNIT entrou em contato com o Exército para verificar a possibilidade da corporação assumir os dois lotes da duplicação da rodovia. A partir de então foram realizados estudos de viabilidade, planejamento e propostas. Em dezembro daquele ano o termo de execução descentralizada foi assinado pelo Exército brasileiro e pelo DNIT. Atualmente, é a maior obra do Sistema de Engenharia do Exército Brasileiro em todo o Brasil. Além disso, vai qualificar o mais importante eixo de acesso ao Porto de Rio Grande, tendo impacto direto na logística nacional e no escoamento da produção do Estado.