Logotipo Engenharia Compartilhada
Home Notícias Impermeabilização: saiba como escolher o acabamento da manta asfáltica
MATERIAIS

Impermeabilização: saiba como escolher o acabamento da manta asfáltica

ASSESSORIA DE IMPRENSA - 30 de maio de 2024 77 Visualizações
Impermeabilização: saiba como escolher o acabamento da manta asfáltica

[Autores]


A escolha não só da manta asfáltica, como do seu acabamento, é um momento importante de um projeto construtivo de impermeabilização. Como há várias opções de acabamentos no mercado, o profissional deve levar em conta três pontos principais: a estética, a funcionalidade e o método de aplicação da manta.

Quem explica os detalhes é Anderson Oliveira, gerente técnico sênior do Grupo Soprema, multinacional especialista em impermeabilizações e isolamentos térmicos e acústicos. “A escolha do acabamento correto é crucial para o sucesso de todo projeto.”

A seguir, um roteiro para a escolha do acabamento da manta asfáltica.

Materiais dos acabamentos

As mantas asfálticas podem ter diferentes materiais em seus acabamentos. Os mais conhecidos são: alumínio, areia, ardósia, polietileno, geotêxtil e HDPE.

“As mantas asfálticas são compostas por um reforço, podendo ser de polietileno, poliéster, fibra de vidro ou outros materiais, que seria o ‘recheio’ delas; de composto asfáltico, que envolve esse ‘recheio’; e dos acabamentos, que são uma ou duas camadas externas do produto”, explica Oliveira.

Segundo ele, a escolha da manta em si deve levar em conta características como espessura, qual o tipo de estruturante e qual a sua classe (qualidade da massa asfáltica). A escolha do acabamento vem depois dessas características principais do produto.

Mantas autoprotegidas

Quando olhamos para os acabamentos, podemos dividir as mantas asfálticas em duas categorias: as autoprotegidas e as que exigem proteção mecânica.

As autoprotegidas são aquelas que possuem acabamento superficial com proteção contra intempéries, como chuva e sol. Os principais exemplos são as mantas de alumínio, ardósia e geotêxtil.

“Além das mantas serem soluções eficientes de impermeabilização, esses acabamentos agregam valor estético aos projetos”, explica o especialista. “No entanto, é crucial ressaltar que essas mantas não são projetadas para suportar tráfego constante, tolerando apenas o tráfego ocasional de pessoas para evitar danos à sua integridade e possíveis infiltrações na estrutura”, afirma o especialista.

Alumínio (AL): geralmente, são utilizadas em telhados, calhas, abóbodas e outras coberturas expostas ao sol e ao calor, uma vez que têm filtro para proteção de raios UV (ultravioleta). O próprio material ajuda a refletir esse calor.

Ardósia (COR): usada comumente pela sua função estética (beleza), em locais como cúpulas e abóbadas, sem trânsito de veículos ou pessoas.

Geotêxtil (PINT): este acabamento oferece alta resistência mecânica e barra partículas diversas. Muito utilizado em aterros e barragens.
Mantas com proteção adicional

Já as outras mantas são as que requerem proteção adicional devido à exigência de proteção mecânica (por exemplo, quando suportam movimento/atrito de pessoas ou carros). Neste caso, são recomendadas as mantas de polietileno e areia.

Polietileno: indicadas para aplicações com uso de maçarico.

Areia: desenvolvidas para aplicação com asfalto a quente.