Logotipo Engenharia Compartilhada
Home Notícias Setor da construção civil ganha novo grau de aço para estruturas de concreto armado
NORMAS

Setor da construção civil ganha novo grau de aço para estruturas de concreto armado

Assessoria de Imprensa - 31 de maio de 2024 112 Visualizações
Setor da construção civil ganha novo grau de aço para estruturas de concreto armado

[Imagem: Autores]


Norma ABNT NBR 7480 de 2024 passa a especificar o aço CA70, validando o desenvolvimento pioneiro do novo vergalhão ArcelorMittal 70 S AR

O mercado da construção civil tem buscado obras com menor desperdício e soluções customizadas e concentradas no desempenho. A recente publicação da norma ABNT NBR 7480:2024 reflete esse movimento. A atualização normativa traz uma importante novidade para o setor: pela primeira vez, considera o vergalhão de Alta Resistência, ou seja, inclui um novo grau de aço para as estruturas de concreto armado. Com essa mudança, a ArcelorMittal, maior produtora de aço do Brasil e da América Latina e líder no mercado global, já tem validada a alteração de grau para o seu vergalhão de alta resistência, lançado de forma pioneira no mercado.

Com foco em produtos de alta qualidade, exclusivos e diferenciados, a ArcelorMittal desenvolveu, em julho de 2021, o vergalhão ArcelorMittal 50 S AR, aço de alta resistência mecânica, soldável com limite de escoamento mínimo de 700 MPa e 40% mais resistente que o vergalhão padrão CA50. Com a publicação da norma, o mesmo produto passará a se chamar ArcelorMittal 70 S AR.

“Os materiais de alto desempenho, como o novo vergalhão ArcelorMittal 70 S AR, seguem uma tendência global, buscando agregar valor com ganhos econômicos e ambientais na sua aplicação, devido a racionalização, aumento de produtividade e desmaterialização da construção civil”, afirma Everton Negresiolo, Vice-Presidente Comercial e Metálicos Longos Brasil da ArcelorMittal.

O vergalhão ArcelorMittal 70 S AR foi elaborado pela área de Inovação e Desenvolvimento de Produtos para Construção Civil do segmento de Aços Longos da ArcelorMittal em conjunto com a Cátedra Construindo o Amanhã (aliança entre a ArcelorMittal e a USP) e o Centro de Inovação em Construção Sustentável (CICS/USP).

De acordo com Antônio Paulo Pereira Filho, gerente de Inovação e Desenvolvimento de Produtos para Construção Civil da ArcelorMittal Aços Longos, o vergalhão ArcelorMittal 70 S AR permite reduzir a quantidade de armaduras – barras de aço que compõem uma estrutura de concreto armado – e aumentar a produtividade na construção civil. “As principais vantagens incluem menor congestionamento de barras, melhor execução de concreto, ganho de produtividade da armação e redução de custos. Além disso, a melhor taxa de utilização do aço e potencial redução de concreto propicia a diminuição das emissões de gases de efeito estufa”, explica.

Para algumas aplicações são esperados ganhos da ordem de 20%, com redução no volume de aço em fundações e pilares. O número representa um potencial de economia da ordem de 7% em uma estrutura de concreto armado ao utilizar esse novo vergalhão.